Em São Paulo, manifestantes se concentram em frente ao Masp

Valmar Hupsel Filho

São Paulo

Na capital paulista, manifestantes começam a se concentrar em frente ao vão livre do Masp para ato contra Michel Temer. Mesmo sob chuva e frio, eles pedem a renúncia do presidente e a convocação de eleições diretas. Dois trios elétricos e dois carros de som foram deslocados para a região.

Organizado pelas Frentes Brasil Popular e Povo medo, o ato ocupa uma quadra da avenida com manifestantes. "A chuva atrapalha um pouco, mas o pessoal ainda está chegando", disse o ex-senador Eduardo Suplicy (PT), presente na manifestação.

Primeiro político a discursar na Avenida Paulista, Suplicy pediu o afastamento do presidente Michel Temer e a realização de eleições diretas. "O próprio Temer disse que se um de seus ministros fossem alvo de inquéritos ele seria afastado. Como ele agora é alvo de inquérito ele deve se afastar para pacificar esse maravilhoso povo brasileiro", disse. Suplicy também criticou a ação da prefeitura realizada hoje, 21, na Cracolândia, e o fim do programa Braços Abertos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos