Argentina analisa acordo para que Odebrecht entregue dados à Justiça, diz Clarín

Victor Rezende

São Paulo

O governo da Argentina está analisando um acordo da Odebrecht para que a construtora brasileira divulgue dados à Justiça do país sobre suas operações em solo argentino, segundo o Clarín. "Temos um parecer favorável ao acordo da Odebrecht com a Justiça, se os envolvidos cooperarem no esclarecimento dos fatos e na recuperação de dinheiro e bens que foram obtidos por meio de métodos corruptos", disse uma fonte do Ministério da Justiça ao jornal argentino.

No entanto, de acordo com a publicação, um setor do Ministério da Justiça, que realiza uma "investigação completa" em todos os negócios da Odebrecht, notou que "não está claro que o quadro jurídico seria para alcançar esse acordo". A proposta também é analisada pela procuradora-geral do país, Alejandra Gils Carbo, que se reuniu com advogados da Odebrecht. No entanto, até o momento, nenhum deles avançou na assinatura de um acordo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos