Com aval do MP, figueira de 150 anos é cortada em São José dos Campos

José Maria Tomazela

Sorocaba

Após dois adiamentos, e depois de receber o aval do Ministério Público do São Paulo (MP-SP), a prefeitura derrubou neste domingo, 4, véspera do Dia do Meio Ambiente, uma figueira plantada há cerca de 150 anos, na região central de São José dos Campos, interior de São Paulo. Funcionários usaram motosserras para por abaixo o tronco e a copa da árvore, com 15 metros de altura, na Praça Dom Bosco.

Um laudo apontou que a planta tinha o tronco infestado por cupins e corria o risco de desabar, numa região com grande movimento de pedestres e veículos. A figueira era tombada pelo Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico, Artístico, Paisagístico e Cultural (Comphac).

A primeira tentativa de corte aconteceu no dia 7 de maio, mas os ambientalistas se mobilizaram e a supressão foi adiada. Após novos exames, a prefeitura remarcou a derrubada para o dia 28 de maio. Dois dias antes, a promotoria ambiental do MP local pediu a suspensão até que fosse concluído um laudo próprio sobre as condições da planta.

O aval para a supressão da árvore foi dado após a confirmação do mau estado do tronco. Ainda assim, moradores reagiram ao corte. "A medida foi drástica demais, uma boa poda talvez resolvesse. O problema é que retiram árvores e nunca plantam outra no lugar", reclamou o taxista Reinaldo Guedes.

O MP determinou que, após a retirada da árvore, uma nova muda de figueira seja plantada no mesmo local. Também exigiu que sejam produzidas dez novas mudas a partir da seringueira extinta e, ainda, que sejam plantadas 90 mudas de outras árvores em locais próximos.

A prefeitura de São José dos Campos informou que vai plantar uma figueira branca nativa para substituir a árvore que foi retirada, que é uma espécie exótica, originária da Malásia. Outras 90 mudas serão plantadas na região. Dessas, 40 serão plantadas na próxima quarta-feira, 7, no Parque Ribeirão Vermelho, na zona oeste.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos