PF questiona Temer sobre um certo 'Edgar'

Fábio Serapião, Breno Pires, Isadora Peron e Fausto Macedo

  • Felipe Rau/Estadão Conteúdo

A Polícia Federal perguntou a Michel Temer sobre um certo 'Edgar'. É a 47ª indagação, de um total de 82 questionamentos ao presidente, alvo de inquérito na Operação Patmos por suspeita de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. A PF quer identificar o personagem que teria proximidade com o peemedebista.

"Vossa Excelência tem alguém chamado 'Edgar' no universo de pessoas com quem se relaciona com certa proximidade?", perguntam os delegados federais Thiago.

Os policiais insistem. "Se sim, identificar tal pessoa, mencionando a atividade profissional."

O questionário avança para campo eleitoral. A PF quer saber do presidente se o tal 'Edgard' tem 'eventual envolvimento na atividade partidária, descrevendo ainda a relação que com ele mantém'.

O extenso questionário chegou às mãos do presidente nesta segunda-feira, 5. Seu advogado, o criminalista Antônio Claudio Mariz de Oliveira, disse que Temer não vai responder a todas as indagações.

O presidente irá silenciar sobre o conteúdo do áudio da conversa dele com o empresário Joesley Batista, da JBS, na noite de 7 de março no Palácio do Jaburu.

Nesse encontro, gravado por Joesley, Temer ouviu do seu interlocutor - que fechou acordo de delação premiada com a Procuradoria-Geral da República - uma sucessão de crimes, como pagamento de mesada de R$ 50 mil para o procurador da República Ângelo Goulart, mas não tomou nenhuma medida.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos