Domingo de piquenique no parque. E de bonecas

Luiz Fernando Toledo

São Paulo

A empresária Daniele Benire, de 39 anos, chegou às 11 horas para um piquenique no Parque Villa Lobos, na zona oeste da cidade, com os filhos Nina, de 5 anos, e Mateus, de 2. Mas desta vez o passeio era temático: os pequenos tinham, cada um, uma boneca nas mãos. Eles estavam em um evento para bater o recorde mundial de maior piquenique com bonecas do mundo - até então conquistado apenas por Portugal, com 500 brinquedos do gênero.

"É uma ideia bem diferente. As crianças adoraram e o espaço é divertido", disse Daniele. A poucos metros dali, o grupo musical Pé de História, que reconta ficções por meio da música, agitava os pequenos com composições próprias. As crianças até arriscaram uma versão infantil de Another Brick in The Wall, do Pink Floyd. Um sol agradável e a sombra de algumas tendas improvisadas com toalhas ajudaram a dar o clima de festa.

"Fiquei sabendo da proposta pela internet e adorei. Nunca vi tanta boneca em um lugar só, fiquei apaixonada. É o lúdico, né? As crianças têm de brincar. É uma fase da vida que não volta mais", afirmou a atendente Célia Maria da Silva, de 46 anos. Com ela estava a filha Ana Beatriz, de 8 anos.

Logo atrás de Ana Beatriz se formava uma fila de crianças que queriam pintar o rosto com tinta. Era a atração de maior sucesso "Quero parecer um herói de filme", disse Caíque Souza, de 7 anos.

'Guinness'

O evento foi organizado pela empresa de entretenimento Hasbro, responsável por marcas como Transformers, My Little Pony, Monopoly e o jogo de cartas Magic: The Gathering. O objetivo, segundo os organizadores, foi o de promover momentos de diversão em família e incentivar brincadeiras ao ar livre. Logo na entrada - totalmente gratuita - foram oferecidas cestas de piquenique às famílias, com "comidinhas de mentira" para as bonecas, mas também algumas guloseimas "de verdade", como biscoitos de farinha integral e achocolatado.

Cerca de 1,4 mil cestas foram distribuídas e a expectativa do grupo era de receber ao menos 4 mil pessoas que, além dos shows, participaram de diversas brincadeiras no espaço, como escultura com balão e pinturas no rosto. A ideia de bater o recorde mundial também foi levada a sério. "Já encaminhamos para o Guinness e eles vão analisar nosso pedido", disse a diretora de marketing Denise Ledoux, uma das organizadoras do evento.

A brincadeira trouxe gente até de outras cidades. A fisioterapeuta Fabiana Teixeira, de 38 anos, contou que veio com a família e amigos em quatro carros de Jundiaí para participar do evento. Junto estava a filha Giovana, de 2 anos. "Nunca vi uma coisa desse tipo e as crianças estão adorando. Vale a pena. E a cesta foi uma surpresa muito agradável", afirmou. A advogada Karina Andrade, de 38 anos, concordou. "Foi bem organizado", disse, ao lado do filho Bernardo, de 2 anos.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos