Para Ronaldo Caiado, condenação de Lula demonstra que lei é para todos

Thiago Faria

Brasília

O líder do DEM no Senado, senador Ronaldo Caiado (GO), afirmou nesta quarta-feira, 12, que a condenação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva é uma demonstração de que a lei está sendo aplicado a quem quer que seja. Segundo o senador, o juiz Sérgio Moro deu um bom exemplo ao condenar o petista.

"A sociedade brasileira vê hoje a justiça sendo aplicada a quem já foi presidente da República, a mais alta instituição do País. É uma demonstração de que o Brasil se 'adequa' às práticas das democracias mais desenvolvidas. Uma demonstração de que aqui tem lei e ela está sendo aplicada a quem quer que seja", afirmou Caiado.

Moro condenou Lula a nove anos e seis meses de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro. O ex-presidente pode recorrer em liberdade, uma vez que a prisão não foi decretada.

Para o líder do PSDB, senador Paulo Bauer (SC), "ninguém pode estar acima da lei". "A condenação do ex-presidente é decisão que precisa ser entendida como absolutamente correta tendo em vista que um juiz com a reputação do Sérgio Moro não aplicaria uma sentença sem ter provas", afirmou.

"Resta saber agora se os aliados do ex-presidente vão aceitar essa decisão. Ultimamente eles não aceitam nada que seja legal ou democrático", disse Bauer.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos