Manifestação em apoio a Lula correu 'dentro das expectativas', dizem lideranças

Por Marcelo Osakabe

Em São Paulo

Dirigentes petistas e líderes de movimentos sociais que participaram do ato em apoio ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva nesta quinta-feira (20), em São Paulo, consideraram positivo o saldo da manifestação. Eles afirmaram que o evento ajudou a preparar o clima para o dia 2, quando o plenário da Câmara deve apreciar a denúncia criminal contra o presidente Michel Temer.

"Acho que foi uma mobilização boa, dentro da nossa expectativa. Estamos esquentando e no dia 2 vamos balançar a roseira desse [Michel] Temer", afirmou o líder do PT na Câmara, deputado Carlos Zarattini (SP).

Para Guilherme Boulos, líder do MTST (Movimento dos Trabalhadores Sem Teto), o ato reuniu cerca de 30 mil pessoas e deve gerar novas manifestações no Brasil inteiro. "Até porque vão continuar os ataques. O Temer está querendo se salvar, e eles querem recolocar a reforma da Previdência na agenda", disse.

Líder do PT no Senado, Lindbergh Farias (RJ) afirmou que o calendário das próximas manifestações ainda não foi decidido, mas que o ato de hoje "demonstra uma revolta muito grande da gente que defende a democracia brasileira". "Na nossa avaliação, isso é a continuidade do golpe, tirar o Lula do jogo é isso", disse.

O senador também ironizou o aumento do PIS/Cofins para os combustíveis, anunciado nesta quinta pela equipe econômica do governo. "Isso é um escândalo, quero ver o que a turma dos patos amarelos vai falar", disse Lindbergh, em alusão à campanha "Não Vou Pagar o Pato", liderada pelo presidente da Fiesp, Paulo Skaf, a partir de setembro de 2015. "Eles diziam que não iam aumentar impostos. Essa coisa de aumentar imposto neste momento desmoraliza de vez o governo e seu ministro da Fazenda", completou.

Rahel Patrasso/Xinhua
Lula discursa em manifestação nesta quinta-feira à noite na avenida Paulista

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos