Em nota, J&F diz que Joesley prestou todos os esclarecimentos à PF

Camila Turtelli e Marcelo Osakabe

São Paulo

O grupo J&F afirmou no final da manhã desta quarta-feira, 9, em nota, que o empresário Joesley Batista, sócio da holding J&F que controla a JBS, prestou depoimento à Polícia Federal, em São Paulo, como parte do processo instaurado em 19 de maio e que analisa a venda de ações da JBS.

"O empresário prestou todos os esclarecimentos e segue à disposição e colaborando com as autoridades", diz o comunicado enviado ao Broadcast, serviço de notícias em tempo real do Grupo Estado.

Além de Joesley, informações extraoficiais indicam que seu irmão, Wesley também deverá prestar depoimento ainda nesta quarta à Polícia Federal, na investigação sobre a venda de ações nos dias que precederam a notícia sobre o acordo de delação da JBS e as aplicações no mercado de câmbio.

As investigações foram instauradas para apurar os supostos lucros que a J&F, controladora da JBS, teve a partir do uso de informações privilegiadas sobre as delações de seus executivos na Procuradoria-Geral da República. Este inquérito foi aberto por requisição do procurador-geral Rodrigo Janot.

A investigação apura se os irmãos Batista, principais acionistas do grupo e delatores da Lava Jato, teriam auferido ganhos elevados no mercado de compra e venda de dólares e ações do grupo quando o teor das delações dos executivos estava na iminência de ser conhecido.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos