Em menos de um mês, governo troca de novo auditor-geral e dirigentes do INSS

Luci Ribeiro

Brasília

O Ministério do Desenvolvimento Social trocou de novo os dirigentes de três departamentos do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Os titulares exonerados nesta quinta-feira, 10, não ficaram nem um mês nos cargos. Eles haviam sido nomeados no último dia 13 de julho.

Os servidores destituídos foram: Guilherme Peixoto Almeida de Oliveira, do cargo de auditor-geral; Ricardo Augusto Panquestor Nogueira, do cargo de procurador-chefe da Procuradoria Federal Especializada junto ao INSS; e William Giuliano dos Prazeres, do cargo de diretor de Atendimento.

Além dos três, também foi exonerado hoje Thiago Andrigo Vesely, do cargo de diretor de Gestão de Pessoas. As informações constam de portarias divulgadas na edição desta quinta-feira, 10, do Diário Oficial da União (DOU).

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos