Mais um PM é assassinado no Rio

Fábio Grellet

Rio

Rio, 12/08/2017 - Uma briga familiar pela propriedade de um terreno pode ter sido a causa do assassinato do soldado Vaine Luiz dos Santos Ferreira, de 33 anos, o 97º policial militar morto no Estado do Rio neste ano. Ele foi morto dentro de casa, em Olinda, bairro de Nilópolis, na Baixada Fluminense, na tarde deste sábado (12).

Segundo a Polícia Civil, o PM foi baleado com sete tiros pelas costas, supostamente disparados pelo próprio cunhado, o guarda municipal Marcelo de Moura Maciel. Um filho do PM, que é afilhado de Maciel, presenciou o crime, afirma a polícia. O guarda municipal teria fugido em seguida. Ele e o cunhado discutiam qual deles era dono de um terreno em Nilópolis.

O caso foi registrado na 57ª DP (Nilópolis), mas será investigado pela Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense.

Até as 18h30 deste sábado a reportagem não havia localizado representantes de Maciel para se manifestar sobre a acusação.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos