Tratar do Repetro é de interesse para o equilíbrio fiscal, diz secretário do Rio

Denise Luna, Vinicius Nader e Mariana Durão

Rio

O secretário estadual da Casa Civil, Chrstino Áureo, informou que a discussão sobre o Repetro, regime que suspende tributos federais na área de exploração offshore, está sendo finalizada, e que se caminha para atingir um ponto de equilíbrio que atenda aos interesses do Estado.

De acordo com ele, o governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão (PMDB), já autorizou a revisão de leis de impostos relativos ao setor de óleo e gás. O objetivo é tornar cada vez mais acessível o setor de petróleo e gás para investimentos.

"Vamos finalizar com a Assembleia Legislativa para gerar exemplo positivo para as próximas rodadas (de venda de campos de petróleo). Estamos caminhando para buscar um ponto de equilíbrio", afirmou em evento para divulgar o acordo para recuperação fiscal do Estado.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos