Temer embarca para São Paulo

Tânia Monteiro e Carla Araújo

Brasília

O presidente Michel Temer embarcou na tarde desta quarta-feira, 4, para São Paulo, onde participa de cerimônia de entrega de ambulâncias para renovação da frota do SAMU, às 17 horas. A previsão é que o presidente fique em São Paulo e, amanhã, siga da capital paulista para o Norte do País.

Na quinta-feira, 5, Temer vai visitar Belém, para a assinatura do protocolo de intenções para cessão de lote para a Basílica Nossa Senhora de Nazaré e, à tarde, irá ao Centro de Lançamento de Alcântara, no Maranhão. Neste caso, a visita deve ser rápida e não haverá cerimônia com discursos. As viagens ocorrem em meio à tramitação da segunda denúncia da Procuradoria-Geral da República contra Temer.

Mais cedo, o Palácio do Planalto informou que a defesa do presidente em relação à denúncia por obstrução de justiça e organização criminosa será entregue nesta tarde na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara. A defesa será entregue pelo advogado Eduardo Carnelós, que substituiu Antonio Claudio Mariz de Oliveira, nesta segunda denúncia, já que o então advogado do presidente alegou conflito de interesses por já ter defendido o doleiro Lucio Funaro. A delação de Funaro é usada na denúncia apresentada pelo então Procurador-Geral da República, Rodrigo Janot.

Pela manhã, ainda em Brasília, o presidente Temer participou de uma cerimônia para anúncio de recursos para as pequenas e microempresas. Antes, recebeu o ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira e deu prosseguimento ao atendimento de deputados, que poderão ajudá-lo a se livrar das acusações, no Congresso, repetindo a rotina que já teve durante a tramitação da primeira denúncia.

Ontem, Temer recebeu mais de 40 deputados no Planalto, ouvindo o pleito de cada um. Hoje de manhã, o presidente recebeu o deputado Cleber Verde (PRB-MA), líder do Partido Republicano Brasileiro na Câmara dos Deputados e Presidente da Frente Parlamentar da Pesca no Congresso Nacional. Atendeu em audiência ainda os deputados Carlos Marun (PMDB-MS) e Beto Mansur (PRB-SP), que integram a sua tropa de choque no Congresso, além do deputado Fausto Pinato (PP-SP). Às 13 horas, antes do almoço, Temer se encontrou com o senador Eunício Oliveira, presidente do Senado Federal.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos