RenovaBR não tem agenda política, afirma Mufarej

Marcelo Osakabe

São Paulo

O RenovaBR não tem agenda nem vai defender questões políticas específicas, declarou nesta sexta-feira, 6, o empresário Eduardo Mufarej, no lançamento deste movimento. Segundo o presidente da Somos Educação, a ideia é se focar na formação de novas lideranças e deixar que elas próprias se posicionem. "A gente não é um movimento político com agenda, não vamos pautar. O RenovaBR não acha nada", disse o empresário após a apresentação.

Questionado sobre a reação da classe política, que acusou o projeto de ser uma forma de dissimular um financiamento de campanha, Mufarej disse esperar que o lançamento oficial da iniciativa ajude a esclarecer o mal-entendido. "Com o lançamento, fica claro que não tem nenhuma vinculação com financiamento eleitoral", disse.

Chamada de "Fundo Cívico", a ideia é proporcionar bolsas de estudo para pessoas interessadas em se candidatar ao Legislativo nas eleições de 2018. O valor das bolsas varia de R$ 5 a R$ 8 mil. Na terça-feira, o deputado Jorge Solla (PT-BA) pediu à procuradora-geral da República, Raquel Dodge, uma investigação sobre o fundo. Solla avalia que "há fortes indícios de que o grupo empresarial se organizou para burlar a lei" que impede o financiamento eleitoral por parte de pessoas jurídicas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos