TCE-SP aponta Santos como líder de Índice de Efetividade da Gestão Municipal

Marina Dayrell, especial para AE

São Paulo

O Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE-SP) elegeu Santos, no litoral do Estado, em primeiro lugar no Índice de Efetividade da Gestão Municipal. O levantamento mede a qualidade dos gastos municipais e avalia as políticas públicas dos gestores em sete dimensões: Educação, Saúde, Planejamento, Gestão Fiscal, Meio Ambiente, Proteção aos Cidadãos e Governança em Tecnologia da Informação.

Além de Santos, o topo do ranking inclui as cidades de Quadra, Torre de Pedra, Macatuba, Indaiatuba e Vinhedo. Para o índice, são considerados todos os municípios do Estado de São Paulo, com exceção da capital, que é fiscalizada pelo Tribunal de Contas do Município.

Cada setor recebe uma nota em relação à gestão administrativa: A (altamente efetiva), B (Muito Efetiva), B (Efetiva), C+ (em fase de adaptação) e C (baixo nível de adequação). A avaliação geral da administração santista foi de B+ e nenhuma das cidades obteve nota A.

"Em tempos de crise, a eficiência é sinônimo de sobrevivência na gestão pública. Quem não for eficiente não sobrevive", avaliou o prefeito Paulo Alexandre Barbosa (PSDB), de acordo com a assessoria. Sua administração registrou nota A nos itens: Saúde, Meio Ambiente, Proteção ao Cidadão e Governança em TI.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos