Governo do Rio vai pagar R$ 1,06 bi de salários atrasados de agosto e setembro

Fernanda Nunes

Rio

O governo do Rio de Janeiro paga até esta terça-feira, 17, R$ 1,06 bilhão de salários atrasados de agosto e setembro. Até a meia noite desta segunda-feira, 16, vai depositar o salário integral de setembro dos funcionários públicos dos setores de educação e segurança - policiais militares e civis, bombeiros, agentes penitenciários e funcionários das secretarias de Segurança e Administração Penitenciária, além de servidores de órgãos vinculados.

Amanhã será a vez de pagar os salários integrais de setembro dos servidores ativos das secretarias da Fazenda e Planejamento e do Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação do Estado do Rio de Janeiro (Proderj).

Com o depósito de R$ 957,9 milhões feito desde sábado, pouco mais da metade dos funcionários públicos do Rio, 52,2%, terão os salários de setembro quitados. Outros 221,6 mil permanecem sem receber, o que representa atraso de R$ 650,3 milhões relativos aos ganhos do mês passado.

"De acordo com o resultado da arrecadação, a Fazenda anunciará posteriormente quando se dará novo depósito para o funcionalismo que não receberá os vencimentos de setembro", traz o comunicado.

O governo ainda depositará a partir de amanhã R$ 102,5 milhões de vencimentos de agosto. Na lista de funcionários que vão receber esse dinheiro estão os servidores ativos da saúde e 23.161 ativos, inativos e pensionistas, de todas as categorias que têm vencimento líquido de até R$ 6,1 mil.

Com isso, os vencimentos de agosto terão sido pagos integralmente a 96,7% do funcionalismo. Falta pagar o salário de agosto para 15.375 servidores, o equivalente a R$ 163 milhões pendentes.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos