Sírio Libanês: Temer foi submetido hoje a retirada da sonda e está estável

André Ítalo Rocha

São Paulo

O Hospital Sírio-Libanês informou neste domingo, 29, por meio de um boletim médico, que o estado de saúde do presidente Michel Temer é estável. Ele passou por uma cirurgia para desobstrução da uretra na noite de sexta-feira e, hoje pela manhã, foi submetido a um procedimento de retirada da sonda vesical.

O hospital reforçou também que Temer deve receber alta na segunda-feira, acrescentando, dessa vez, que o presidente deverá ser liberado no início da tarde.

O presidente, que está internado em São Paulo desde sexta-feira, é acompanhado pelas equipes coordenadas pelos médicos Roberto Kalil Filho, Miguel Srougi e Felipe A. Barroso Braga.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos