Maia analisará parecer da área técnica sobre direito de Dirceu a aposentadoria

Daiene Cardoso

Brasilia

  • Dida Sampaio/Estadão Conteúdo

    4.mai.2017 - O ex-ministro José Dirceu (Casa Civil/Governo Lula) em Brasília

    4.mai.2017 - O ex-ministro José Dirceu (Casa Civil/Governo Lula) em Brasília

Como informou nesta sexta-feira (10) a Coluna do Estadão, a área técnica da Câmara está convencida de que o ex-deputado José Dirceu (PT-SP) tem direito a receber aposentadoria como ex-deputado. Condenado a 30 anos de prisão pela Lava Jato, o petista foi cassado em 2005 por se envolver no mensalão. A decisão final sobre se ele terá direito de se aposentar, mesmo tendo sido cassado, caberá ao presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

Maia disse nesta sexta que vai analisar o parecer da área técnica e que não vai decidir politicamente sobre o tema "em hipótese alguma". "Se ele (Dirceu) tiver direito, ele tem direito. Minha decisão vai ser estritamente com base no documento apresentado pela assessoria técnica", reforçou.

Ficha Limpa

Questionado sobre o requerimento que pede urgência para apreciação do projeto que impede a aplicação da retroatividade da Ficha Limpa, como determinou o Supremo Tribunal Federal (STF), Maia destacou que a proposta não está alterando a Lei da Ficha Limpa e que pretende discutir em duas semanas com líderes a possibilidade de inclusão do tema em pauta. "Se ele (projeto) vai avançar ou não, vamos discutir depois com os líderes", respondeu.

Aborto

Maia também foi questionado sobre a PEC que ameaça o aborto legal no país. O deputado enfatizou que não vai levar a proposta ao plenário enquanto não ficar clara sua abrangência na legislação. Ele ponderou que é preciso aguardar qual texto sairá da comissão especial (que ainda tem destaques à proposição para analisar) e avaliar com juristas o teor final da PEC. "Não vamos entrar nesse tema sem ter muita clareza", reafirmou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos