Soldado toma tiro no pescoço e é o 117º PM do Rio morto no ano

Fábio Grellet

O soldado da Polícia Militar Joubert dos Santos Lima, de 26 anos, foi o 117º policial militar morto no Estado do Rio de Janeiro em 2017. Ele trabalhava no 7º Batalhão, em São Gonçalo, na região metropolitana do Rio, e levou um tiro no pescoço durante operação na favela Brejal, na mesma cidade, na manhã desta sexta-feira, 10, em um confronto com supostos traficantes. Lima chegou a ser socorrido, mas morreu no Hospital Estadual Alberto Torres, também em São Gonçalo.

Na mesma operação, um cabo também foi baleado, mas sobreviveu e, segundo a PM, está em estado "estável". Um suspeito foi morto. Ele portava um fuzil Colt calibre 5,56, que foi apreendido.

Durante a tarde, a PM promoveu uma operação na mesma favela para identificar e prender os bandidos que mataram o soldado. Até a noite desta sexta-feira, nenhum suspeito havia sido preso - só duas mulheres, que estavam com cocaína.

O Portal dos Procurados oferece uma recompensa de R$ 5 mil a quem fornecer informações que levem à prisão dos envolvidos no crime.

Lima era policial militar havia quatro anos, e tinha cinco filhos. Seu enterro será às 15 horas deste sábado, 11, no Cemitério Memorial Parque Nycteroy, em São Gonçalo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos