Instituto de Auditoria lança amanhã carta de apoio à operação Lava Jato

Denise Luna

Rio, 27

A possibilidade de mudanças no sistema de delação premiada, acenada por alguns ministros do Superior Tribunal Federal (STF), acendeu o alerta do Instituto dos Auditores Internos do Brasil (IIA), que amanhã lança no Rio de Janeiro, durante o 38º Congresso Brasileiro de Auditoria Interna (Conbrai), uma Carta Aberta à População Brasileira de apoio à operação Lava Jato.

"O Brasil passa por um momento crítico. Hoje temos uma crise política, uma crise ética e uma crise moral, não podemos ficar alheios a esse sentimento do povo brasileiro de passar o País a limpo", afirmou o diretor geral do IIA Brasil, Braselino Assunção.

"A gente enxerga que a operação Lava Jato vai mudar a cultura da impunidade, do jeitinho brasileiro, queremos exortar os auditores a abraçarem a ética, seja em empresa pública ou privada", completou.

Primeiro palestrante do dia no evento, o procurador do Ministério Público Federal Sérgio Pinel, ressaltou a importância da auditoria nas investigações da operação Lava Jato.

"A auditoria foi e é fundamental para a realização do nosso trabalho, é o início de tudo", disse pela manhã, quando afirmou que existe risco da operação Lava Jato ser interrompida se as delações premiadas perderem a segurança jurídica.

O IIA é o quinto maior instituto de auditoria do mundo e reuniu no 38º Conbrai público recorde de cerca de 800 auditores no Riocentro, na zona oeste do Rio de Janeiro. O evento vai até quarta-feira.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos