PF prende ex-prefeito de Belém por supostos desvios de R$ 400 milhões

São Paulo

A Polícia Federal deflagrou nesta sexta-feira, dia 1º, a Operação Forte do Castelo e prendeu o ex-prefeito de Belém e ex-senador pelo Pará Duciomar Gomes da Costa, o Dudu (PTB)

A PF e a Procuradoria da República suspeitam que Dudu comandava organização criminosa que teria desviado R$ 400 milhões dos cofres públicos por meio de fraudes a licitações durante sua gestão na capital paraense, entre 2005 e 2012, nas secretarias de Comunicação, Habitação e Urbanismo.

Em um endereço em Belém, a`PF apreendeu R$ 200 mil em dinheiro vivo - em uma mala havia cédulas de real, dólar e euro.

A Operação Forte do Castelo cumpre quatro mandados de prisão temporária, entre eles o do ex-prefeito e ex-senador, além de 14 mandados de buscas e 4 de condução coercitiva em Belém, Brasília e em São Paulo.

Defesa

A reportagem está tentando contato com a defesa do ex-prefeito, mas não havia obtido sucesso até a publicação desta matéria. O espaço está aberto para manifestação.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos