Tragédia da Gol: pilotos americanos são condenados após 11 anos

Fátima Lessa, especial para a AE

Mato Grosso

  • Jorge Araújo/Folhapress

    Acidente com o voo 1907 da Gol, em 2006, resultou na morte de 154 pessoas

    Acidente com o voo 1907 da Gol, em 2006, resultou na morte de 154 pessoas

Depois de 11 anos, a Justiça Federal de Mato Grosso condenou a 3 anos de reclusão os pilotos americanos Joseph Lepore e Jan-Paul Paladino pelo acidente do avião da Gol que deixou 154 mortos em 29 de setembro de 2006, em Peixoto de Azevedo (MT). Lepore e Paladino pilotavam o jato Legacy, que colidiu com o Boeing da companhia aérea.

Segundo a Justiça Federal, o processo judicial transitou em julgado em 2015 e até agora era debatido o cumprimento da sentença. A decisão já foi informada à Polícia Federal, ao Ministério das Relações Exteriores e à Interpol. A sentença é do juiz federal André Périco Ramires dos Santos. A prisão, segundo o despacho do magistrado, deve ser imediata. A reportagem não conseguiu contato com os advogados de Lepore e Paladino. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos