Forças de segurança fazem operação integrada na Zona Norte do Rio

Rio

Agentes das polícias Civil e Militar, além de integrantes das Forças Armadas e da Polícia Federal, desencadearam às 5h desta quinta-feira, 18, operação nas comunidades de Jacaré, Mandela, Arará e Manguinhos, na zona norte do Rio.

Na região, foi assassinado na semana passada o delegado Fabio Monteiro, que trabalhava na Cidade da Polícia. As comunidades tiveram seus acessos bloqueados pelos militares. Parte do espaço aéreo está restrito a aeronaves civis. Comandantes da operação a acompanham no Centro Integrado de Comando e Controle, na Cidade Nova.

O delegado de 39 anos, que atuava na Central de Garantias Norte, foi encontrado morto a tiros no porta-malas de um carro, no início da tarde da sexta-feira, 12, perto do local em que trabalhava. Logo após o crime, policiais iniciaram uma operação na favela do Jacarezinho, a cerca de 800 metros da Cidade da Polícia, e em outras favelas da região.

Houve tiroteios e mais de 40 suspeitos foram detidos e conduzidos à Cidade da Polícia para prestar depoimento, mas o crime ainda não foi esclarecido.

Monteiro era casado e tinha dois filhos. Ingressou na Polícia Civil do Rio em 2014 e atuava também como professor de Direito Penal e Direito Processual Penal em um curso preparatório para concursos da Polícia Civil.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos