Partidos e sindicatos da Europa e América Latina prestam solidariedade a Lula

Marcelo Osakabe

São Paulo

Às vésperas do julgamento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pelo Tribunal Federal da 4ª Região, partidos políticos e centrais sindicais da Europa e da América Latina enviaram mensagens de solidariedade ao líder petista e condenando o julgamento, que poderá deixá-lo inelegível.

"O Partido Comunista francês afirma sua grande solidariedade ao ex-presidente Lula e com o conjunto das forças da esquerda política e social do Brasil, que estão mobilizadas nesta quarta-feira contra esta nova tentativa de golpe de Estado contra a democracia", diz a nota do PC francês. O Núcleo do PT em Madri participa da concentração em frente à embaixada do Brasil com companheiros da UGT, CCOO, IU e PODEMOS (sindicatos espanhóis), escreveram militantes petistas na Espanha.

Na América Latina, as manifestações vieram de países como República Dominicana, Panamá e Argentina. "Ante a certeza de que (Lula) pode resultar eleito buscam, mediante uma manobra, cortar a possibilidade que o povo se expresse novamente em seu favor", acusou movimento peronista Evita em carta. "Pedimos ao governo brasileiro que cumpra imediatamente suas obrigações nos termos dos tratados internacionais ratificados e proteja o direito fundamental ao devido processo e a um julgamento justo", disse, em carta, a Confederação dos Trabalhadores da República do Panamá (CTRP). "Se o governo não o fizer, isso causará danos irreparáveis à democracia no Brasil", afirma a carta.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos