Tucano diz que PSDB atuará para ter Huck como cabo eleitoral

Daiene Cardoso

Com a desistência do apresentador Luciano Huck da disputa presidencial, o líder do PSDB na Câmara, Nilson Leitão (MT), disse que o partido vai trabalhar para tê-lo como cabo eleitoral, seja do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, ou do prefeito de Manaus, Arthur Virgílio. "Temos agora de trazê-lo para nos apoiar", afirmou.

Para Leitão, Huck representa a renovação e já tem afinidade com o pensamento de centro-direita. "Ele sempre teve simpatia pelo PSDB. Teria uma chance enorme dele dar esse apoia. Agora nós precisamos é conquistá-lo", declarou ao Estadão/Broadcast Político.

Huck confirmou nesta tarde que não vai disputar a eleição presidencial este ano. "Não serei candidato mas não quero falar mais sobre o assunto agora. Preciso digerir a decisão", disse à coluna de Sonia Racy.

O líder do MDB na Câmara, Baleia Rossi (SP), demonstrou simpatia pela possibilidade de Huck participar do pleito eleitoral. "Política se faz com participação. Não adianta ficar só reclamando sobre o que está aí. Nesse sentido, sempre achei louvável sua presença. Já participou de campanhas como colaborador e poderia contribuir mais se fosse ele candidato", disse o emedebista.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos