'Ninguém vota em traidor', diz Márcio França

Pedro Venceslau

São Paulo

Pré-candidato ao Palácio dos Bandeirantes, o vice governador Márcio França (PSB) exaltou a lealdade ao governador Geraldo Alckmin e criticou "traições escamoteadas" em discurso para aliados do PSC nesta segunda-feira, 19. "Esse negócio de traição escamoteada não dá certo. Ninguém vota em traidor", afirmou o pessebista.

O discurso foi feito na sede estadual do PSC, na zona oeste da capital paulista, onde foi anunciado o apoio da sigla a pré-candidatura de França.

O PSC é o quinto partido a anunciar o apoio ao projeto do vice governador, que deve assumir o cargo em abril Alckmin deixar o cargo para disputar a Presidência da República.

Em outro momento de sua intervenção, Márcio França ironizou o principal mote do prefeito João Doria, que postula a vaga de candidato à governador pelo PSDB. "Nenhuma cidade precisa só de gestor, mas de política bom. Precisa de gestor com responsabilidade social", afirmou.

O vice governador disse que contará com o apoio de 450 prefeitos na campanha. "Quando eles acordarem a vaca foi pro brejo".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Receba por e-mail as principais notícias sem pagar nada.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos