Topo

Após 3 horas, manifestantes deixam ato na Avenida Paulista

Daniel Weterman e Marianna Holanda

São Paulo

03/04/2018 21h52

Após três horas de protesto defendendo a rejeição do habeas corpus do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no Supremo Tribunal Federal (STF) e a prisão do petista, manifestantes deixam o ato na Avenida Paulista, em São Paulo.

A avenida chegou a ser interditada pela Companhia de Engenharia de Trafego (CET) em toda a sua extensão. A Policia Militar não divulgou levantamento sobre a quantidade de pessoas no protesto.

O ato na Paulista teve quatro caminhões de som, colocados pelos movimentos Brasil Livre (MBL), Vem pra Rua (VPR), Endireita Brasil e Avança Brasil, que já encerraram seus discursos, feitos entre 18h e 21h.