Bombeiros encontram mais ossos no subsolo de prédio que desabou no centro em SP

Isabela Palhares

São Paulo

Os bombeiros encontraram no final da manhã desta quarta-feira, 9, partes de ossos de uma nova vítima no subsolo do prédio Wilton Paes de Almeida. Segundo o capitão Marcos Palumbo, os restos mortais foram encontrados em uma área profunda que foi acessada apenas nesta madrugada, o que indica que sejam ossos de uma terceira vítima.

"Escavamos o subsolo, local que até então não tínhamos encontrado nenhum vestígio humano. Não eram (restos mortais já encontrados) porque esse é um local muito mais profundo", disse Palumbo. Os ossos encontrados são da coluna vertebral e da pelve. Eles estão muito fragmentados por causa do impacto dos escombros na vítima.

Os restos mortais já foram encaminhados para análise do Instituto Médico Legal (IML). "Só o IML pode identificar se são de um homem, uma mulher, uma criança, de uma ou mais pessoas. No local, nós não temos condições de afirmar de quem são", disse o capitão.

Os ossos foram localizados pela cachorra Vastim. As buscas foram intensificadas e continuam pela região do subsolo. "É uma área em que os destroços estão altamente compactados. Alcançamos três metros de profundidade da parte subterrânea e sabemos que ela tem no total 6 metros", finalizou Palumbo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos