Topo

Rio Preto chega a 24,3 mil casos de dengue; Bauru tem 28 mortes

José Maria Tomazela

Sorocaba

2019-06-15T11:08:00

15/06/2019 11h08

A cidade de São José do Rio Preto, no interior de São Paulo, já tem 24.300 casos de dengue este ano e lidera o ranking da doença no Estado. Em número de mortes, a primeira posição é de Bauru, com 28 óbitos confirmados. O número representa quase 10% de todas as mortes causadas pela dengue no país, este ano. Conforme o Ministério da Saúde, desde janeiro, a doença transmitida pelo mosquito Aedes aegypti matou 295 pessoas no Brasil.

Em Rio Preto, em uma semana, foram confirmados 2.536 casos novos na cidade. Os números atuais da doença foram divulgados na sexta-feira, 14, pela Secretaria de Saúde do município. Há ainda 3.733 casos em investigação. Rio Preto contabiliza também 12 mortes por dengue este ano. A epidemia deste ano já é a mais severa da história e ultrapassou, em número de casos, a grande epidemia de 2010, quando a cidade teve 24.296 casos.

Em Bauru, foram confirmados 2.491 novos casos em uma semana e mais sete mortes. Agora, são 22.484 casos e 28 óbitos, conforme boletim divulgado na sexta-feira. O Departamento de Saúde Coletiva informou que os casos aconteceram entre o final de janeiro e 20 de abril deste ano, mas só agora os resultados de exames ficaram prontos. Conforme o órgão, a maioria dos óbitos aconteceu entre idosos e pessoas com doenças crônicas.

A dengue avança também em outras cidades do interior. Em Marília, na mesma região, foi confirmada na sexta-feira a primeira morte, de um idoso de 78 anos. A cidade tem 1.004 casos confirmados da doença.

Mais Cotidiano