PUBLICIDADE
Topo

Ano legislativo foi positivo e é importante manter o ritmo, avalia Maia

Para o resto deste ano, o presidente da Câmara disse confiar que ainda dá tempo de aprovar o projeto anticrime de Moro - Pedro Ladeira/Folhapress
Para o resto deste ano, o presidente da Câmara disse confiar que ainda dá tempo de aprovar o projeto anticrime de Moro Imagem: Pedro Ladeira/Folhapress

Francisco Carlos Assis

São Paulo

28/11/2019 16h46

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse nesta quinta-feira, 28, ao Broadcast, sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado, considerar que 2019 foi um ano positivo para o Parlamento.

"Muitas coisas andaram com matérias relevantes e históricas", disse o deputado ao sair de evento de comemoração dos dez anos do banco BR Partners.

O importante agora, de acordo com Maia, é manter o ritmo para que o Parlamento continue contribuindo com a retomada do crescimento, redução da desigualdade.

Para este resto de ano, o presidente da Câmara disse que ainda dá tempo para aprovar a PEC do Saneamento Básico, do foro privilegiado e o projeto anticrime do ministro da Justiça, Sergio Moro, e do ministro do STF, Alexandre de Morais.

Antes, durante o evento, Maia disse que tem trabalhado muito sobre a PEC do Saneamento por acreditar que, após aprovada, ela vai trazer muitos investimentos para a economia brasileira. Disse também que gostaria que o ritmo das reformas fosse maior.

Sobre a PEC do Pacto Federativo ele disse que está no aguardo da tramitação no Congresso para depois a Câmara votar.

Política