PUBLICIDADE
Topo

PF monitorou veleiro interceptado nos Açores com 1,8 tonelada de cocaína

Pedro Prata

27/01/2020 17h00

A Polícia Federal, em cooperação policial internacional, participou das investigações que levaram à apreensão de 1.820 kg de cocaína no arquipélago português de Açores, na última semana.

A apreensão foi realizada durante a deflagração da Operação Glória pela Polícia Judiciária de Portugal. Na ação, foram presos um alemão e um bósnio, de 54 e 52 anos de idade, respectivamente.

A droga foi encontrada em um veleiro que fazia o transporte dos entorpecentes entre o Brasil e a Europa.

A PF atuou em cooperação internacional junto à Organização Internacional MAOC-N, a Aduana Francesa, a Agência Americana de Repressão às Drogas e a Polícia Judiciária de Portugal.

Durante o período de estada no Brasil, o veleiro e os suspeitos foram monitorados pela PF.

No final de novembro, a embarcação partiu de Fortaleza em direção à Martinica. No entanto, nunca chegou ao destino e foi interceptada nos Açores, na semana passada.

Errata: o texto foi atualizado
A polícia apreendeu mais de 1,8 tonelada de cocaína, e não quase 1,8 tonelada. A informação foi corrigida.

Cotidiano