PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Conteúdo publicado há
1 mês

Menor cidade de São Paulo, Borá registra primeira morte por covid-19

O município de Borá, no interior de SP, registrou a primeira morte por covid-19 no último dia 8 de maio - Divulgação/Prefeitura Municipal de Borá
O município de Borá, no interior de SP, registrou a primeira morte por covid-19 no último dia 8 de maio Imagem: Divulgação/Prefeitura Municipal de Borá

José Maria Tomazela

Do Estadão, em Sorocaba

12/05/2021 10h58Atualizada em 12/05/2021 11h50

A letalidade da covid-19 chegou a Borá, a menor cidade do Estado de São Paulo, com 838 habitantes, a 488 km da capital. A Secretaria de Saúde do município confirmou nesta terça-feira, 11, que o morador Antonio Abade Macedo, de 50 anos, morreu com a doença no dia 8 de maio. Ele estava internado desde o dia 2 na Santa Casa de Paraguaçu Paulista, cidade vizinha. Agora, apenas cinco dos 645 municípios paulistas ainda não registraram morte pela covid-19.

A pequena Borá resistiu à entrada do vírus. O primeiro caso positivo só foi confirmado no dia 2 de junho de 2020, quase cem dias depois da confirmação, em São Paulo, do primeiro caso no Brasil. Nesta terça, a cidade registrava 85 casos positivos, dos quais 69 são pacientes curados.

Além do primeiro paciente que morreu, outros 13 estão em isolamento domiciliar e dois foram internados, mas passam bem. Entre os que têm o vírus ativo, estão familiares de Macedo, cujo corpo já foi sepultado no cemitério municipal de Borá.

O óbito de Borá ainda não constava nesta terça da estatística oficial da Secretaria da Saúde do Estado, mas deve entrar na próxima relação de casos e mortes a ser divulgada pela pasta. Em abril, a secretaria chegou a contabilizar uma morte para Borá, mas o dado foi revisto depois de ter sido confirmado que a vítima morava, de fato, em Paraguaçu Paulista.

As cinco cidades paulistas que ainda não tiveram mortes causadas pela pandemia, são elas: São Bento de Abreu (3.005 habitantes), Fernão (1.727), Lucianópolis (2.403), Sagres (2.430) e São João do Pau d'Alho (2.100). O Estado contabilizou nesta terça 101.660 mortes pela covid-19.

Coronavírus