PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
1 mês

Manifestantes já se reúnem em Brasília em ato pelo voto impresso e auditável

Dida Sampaio e Fabrício de Castro

Brasília

01/08/2021 11h16

O ato pelo voto impresso e auditável, marcado pelos apoiadores do presidente Jair Bolsonaro, já reúne manifestantes na Praça da República em Brasília nesta manhã. Um dos presentes é o ex-ministro das Relações Exteriores Ernesto Araújo, que participa do protesto sem máscara de proteção, um item de segurança ainda obrigatório na capital federal durante a pandemia da covid-19.

Manifestantes carregam faixas e cartazes a favor do voto impresso e auditável, uma bandeira do presidente Bolsonaro. O ato conta com a presença de três trios elétricos.

Na última quinta-feira, 29, Bolsonaro apresentou, durante transmissão ao vivo nas redes sociais, uma mistura de fake news, vídeos descontextualizados que circulam há anos na internet e análises enviesadas sobre números oficiais da apuração dos votos para atacar o atual sistema das urnas eletrônicas. Ao mesmo tempo, admitiu não ter provas, mas sim "indícios" de irregularidades.

Neste sábado, mesmo após as críticas recebidas pela disseminação de informações falsas sobre as urnas eletrônicas, Bolsonaro voltou a sustentar a necessidade de mudanças no atual sistema de votação. Durante evento com motociclistas em Presidente Prudente, no interior de São Paulo, ele defendeu "eleições limpas, da forma que o povo deseja". "Não aceitaremos uma farsa", acrescentou Bolsonaro a uma plateia de apoiadores, sem se aprofundar na questão do voto impresso.

Os atos pelo voto impresso estão previstos para ocorrer em todo o País neste domingo e o próprio presidente, na quinta-feira, convocou seus apoiadores a participarem do movimento.

Cotidiano