PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Conteúdo publicado há
1 mês

São Paulo estuda usar tendas de testagem para covid-19 a partir da experiência de NY

O prefeito Ricardo Nunes elogiou as tendas usadas na cidade americana que oferecem testes RT-PCR para a população - VICTOR BERTOLUCI/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO
O prefeito Ricardo Nunes elogiou as tendas usadas na cidade americana que oferecem testes RT-PCR para a população Imagem: VICTOR BERTOLUCI/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

Nova York*

02/12/2021 17h00

O prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes (MDB), disse que pedirá um estudo para avaliar a instalação de tendas com oferta grátis de testes de covid-19. Ele observou a iniciativa em Nova York, onde está em viagem oficial acompanhado do governador João Doria (PSDB), e falou sobre a possibilidade de replicar a experiência.

As tendas na cidade americana oferecem testes RT-PCR para a população local.

"É uma iniciativa bacana que eu gostaria de fazer em São Paulo. Vou pedir um estudo de viabilidade", disse Nunes ao Estadão.

O prefeito ressaltou que a pasta da Saúde terá um orçamento de cerca de R $ 13 bilhões em 2022 e que a testagem em massa ajudaria no combate à pandemia de covid-19.

As tendas de teste em Nova York são muito usada por turistas ou americanos que precisam do comprovante para viagens. O resultado do exame chega em 12 horas por celular. Especialistas têm destacado a importância de um sistema estruturado e amplo de testagem como ferramenta de combate à doença.

A Prefeitura decidiu cancelar o réveillon deste ano na Avenida Paulista em meio a receios provocados pelo avanço de uma nova variante, a Ômicron. Três casos da cepa já foram confirmados no Estado na última semana.

*O repórter viajou a convite da InvestSP

Coronavírus