J.Macêdo construirá nova fábrica no Ceará com financiamento de R$ 236 mi do BNDES

São Paulo, 25 - O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) aprovou financiamento de R$ 236 milhões para a J.Macêdo, empresa do setor alimentício, para a construção de uma fábrica em Horizonte (CE), na Região Metropolitana de Fortaleza. A iniciativa, denominada Projeto Camocim, tem como objetivo a produção de massas e misturas para bolos, além da criação de um centro de distribuição e um galpão de reciclagem, informou o BNDES em nota.A construção da fábrica envolverá obras civis, infraestrutura e aquisição de máquinas e equipamentos nacionais, com um investimento total de R$ 125,8 milhões para essas obras e R$ 110 milhões para o maquinário. A nova unidade, que será a segunda da companhia no Ceará, pretende gerar 150 empregos diretos durante sua fase de implementação e 200 empregos após sua conclusão."Além de estarmos apoiando um projeto greenfield, ou seja, um investimento totalmente novo, que amplia a capacidade produtiva e gera novos empregos, os financiamentos também impactam fortemente a cadeia produtiva, já que um valor relevante dos recursos irá para aquisição de maquinário nacional, incentivando a produção de bens de capital brasileiros", afirmou, na nota, o presidente do BNDES, Aloizio Mercadante.A J.Macêdo, fundada em 1939 em Fortaleza, é conhecida por marcas populares como Dona Benta, Sol, Petybon e Boa Sorte, e já possui plantas fabris em Simões Filho (BA) e São José dos Campos (SP), além de moinhos em Salvador, Londrina (PR) e Varginha (MG). A companhia também opera um moinho em Fortaleza para o processamento de trigo em farinha.

Deixe seu comentário

Só para assinantes