UOL Notícias Notícias
 

30/08/2007 - 18h07

PGR estuda pedir abertura de processo contra Azeredo

Brasília - O procurador-geral da República, Antonio Fernando de Souza, estuda pedir ao Supremo Tribunal Federal a abertura de processo penal, até o final de setembro, contra o senador Eduardo Azeredo (PSDB-MG). Para o procurador, o esquema embrião do que atualmente é chamado de "mensalão" destinou-se ao financiamento, em 1998, da campanha do então candidato tucano Eduardo Azeredo ao governo do Estado de Minas Gerais. Na época, o hoje senador Azeredo foi derrotado nas urnas.

Investigação feita pela Polícia Federal encontrou indícios de que houve uso de recursos públicos no caso do valerioduto mineiro. Aberto em dezembro de 2005, o inquérito da PF descobriu evidências da existência de esquema de distribuição de recursos a partir de empresas de Marcos Valério para financiar a campanha de políticos tucanos de Minas. Com os resultados obtidos pela PF, parte dos envolvidos poderá ser enquadrada nos crimes de peculato e lavagem de dinheiro.

Eugênia Lopes e Sônia Filgueiras

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,12
    3,283
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -0,05
    63.226,79
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host