UOL Notícias Notícias
 

17/12/2007 - 11h15

Bolsa abre forte queda, em dia de vencimento de opções

São Paulo - O índice Bovespa abriu em forte baixa hoje, replicando o clima ruim que paira no exterior e pressionado pelo vencimento de opções sobre ações (quando ocorre o vencimento de um contrato que confere ao portador o direito de compra ou venda de um ativo a um preço predeterminado) hoje na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa). Às 11h09, O Ibovespa desabava 1,60%, a 61.443 pontos. Instantes após a abertura, o Ibovespa caiu 1,69%, a 61.392 pontos - na taxa mínima do dia até este horário.

No cenário externo, as bolsas asiáticas fecharam em queda, influenciadas por fatores internos de cada país e também pelas preocupações em relação à economia dos EUA. A Bolsa de Hong Kong desabou 3,5% e de Xangai 2,6%. Na Europa, às 11h06, as bolsas registravam perdas ao redor de 1,5% e, em Nova York, o Nasdaq futuro recuava 0,32% e o S&P 500 cedia 0,34%, no mesmo horário.

A inflação ao consumidor (CPI, na sigla em inglês) nos Estados Unidos maior do que o esperado fortaleceu o receio de interrupção do processo de corte de juro nos EUA, medida considerada necessária para aliviar a desaceleração econômica. Os investidores também estão muito atentos aos balanços dos bancos de investimento Goldman Sachs, Bear Stearns e Morgan Stanley, que serão divulgados esta semana, e que poderão fornecer mais pistas sobre a situação no mercado de crédito.

Hoje, as atenções estarão voltadas para a primeira oferta dentro do âmbito do plano de injeção de liquidez no setor financeiro anunciado na semana passada, com oferta de US$ 20 bilhões em recursos para 28 dias.

Além das incertezas externas que têm provocado volatilidade nos negócios com renda variável, o vencimento de opções sobre ações é mais um fator que favorece a oscilação de preços. Para o diretor da Ágora corretora, Álvaro Bandeira, o volume financeiro desse vencimento deve ser inferior ao do exercício anterior, de novembro, que movimentou R$ 4,6 bilhões.

Em dia de vencimento das opções e nos dias imediatamente anteriores, o movimento da Bolsa pode sofrer distorções e ser alvo de grande volatilidade, com os investidores atuando de forma tal que os preços das ações se aproximem daqueles valores que mais os favorecem quando a opção for exercida.

Entre os papéis que são alvo dos investidores em dia de vencimento de opções, estão as ações da Petrobras e da Vale. Às 11h14, as ações preferenciais da estatal caíam 0,86% a R$ 80,50; e os papéis preferenciais classe A da mineradora recuavam 1,31%, a R$ 48,90.

Passado esse vencimento, a avaliação de operadores é de que a Bolsa pode ficar um pouco mais sensível ao noticiário interno. O mercado está na expectativa da divulgação do pacote de ajuste fiscal, uma tentativa do governo de fechar as contas para 2008, depois de ter perdido na semana passada a receita de R$ 40 bilhões da CPMF. O anúncio das medidas fiscais, inicialmente previsto para quarta-feira, deve sair até o final da semana, informou esta manhã o ministro da Fazenda Guido Mantega.

Sueli Campo

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -1,22
    3,142
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    0,67
    70.477,63
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host