UOL Notícias Notícias
 

22/12/2009 - 13h34

Petróleo recua com alta do dólar e decisão da Opep

Nova York - Os preços dos contratos futuros do petróleo estão em baixa hoje, pressionados pela apreciação do dólar e pela decisão da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) de manter as cotas de produção nos níveis atuais, mesmo diante dos estoques abundantes da commodity.

A Opep decidiu, conforme o previsto, não alterar as cotas de produção, mas os membros do cartel queixaram-se do baixo grau de disciplina dos países membros no cumprimento do corte de produção estipulado no final do ano passado, de 4,2 milhões de barris por dia. No início de 2009, a taxa de obediência à medida estava em 80%, mas recuou para 60% recentemente, na esteira do avanço nos preços do petróleo ao longo desse período e de uma gradual recuperação econômica em grandes consumidores da commodity, como os EUA e a China.

Às 13h28 (de Brasília), o contrato futuro do petróleo com vencimento em fevereiro caía US$ 0,36, ou 0,49%, para US$ 73,36 por barril nas negociações na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex, na sigla em inglês). Na plataforma ICE, o contrato do petróleo tipo Brent para fevereiro perdia US$ 0,36, ou 0,49%, para US$ 72,63 por barril.

A apreciação do dólar pesa sobre commodities denominadas na divisa norte-americana, como o petróleo, porque as torna mais caras para os detentores de outras moedas. As informações são da Dow Jones.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    12h09

    -0,80
    3,257
    Outras moedas
  • Bovespa

    12h15

    0,98
    63.845,48
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host