UOL Notícias Notícias
 

31/12/2009 - 18h30

Chuvas causam estragos no Vale do Paraíba

Taubaté - As águas do rio Paraitinga, que alcançaram cerca de 2,5 metros acima do seu nível normal na madrugada de hoje, baixaram para 1,20 metro, deixando mais tranquilos os moradores das ruas ribeirinhas, na cidade de São Luis do Paraitinga, a 140 quilômetro de São Paulo.

As chuvas causaram muitos estragos desde a madrugada, quando atingiram o índice de 150 milímetros, de acordo com a Defesa Civil local, deixando alguma ruas do centro alagadas.

Cinco casas foram atingidas por deslizamentos e os moradores tiveram que ser removidos. Duas famílias também tiveram que sair das casas devido à inundação causada pelo rio Paraitinga. Elas foram levadas para casas de parentes e de amigos, onde ainda permanecem. "Continuamos mobilizados para qualquer emergência", disse o chefe da Defesa Civil, José Carlos Luzia Rodrigues.

Além disso, houve queda de barreira na estrada que liga o distrito de Catuçaba à rodovia Oswaldo Cruz, onde as maquinas realizaram a limpeza parcial da pista para a liberação ao tráfego, que à tarde já fluía livremente. Ainda na zona rural do município houve queda de pontes e bloqueio de estradas.

"Continuamos mobilizados para qualquer emergência", disse o chefe da Defesa Civil, José Carlos Luzia Rodrigues. Em Piquete, segundo a Defesa Civil, os moradores ficaram sem água durante toda a manhã, porque a estação de tratamento foi atingida por um deslizamento, que assoreou o ribeirão, que abastece a cidade.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host