UOL Notícias Notícias
 

05/01/2010 - 08h10

Chuva deve atingir regiões Sul, Sudeste e Nordeste

São Paulo - Pancadas de chuva atingem hoje novamente grande parte do País, principalmente a região Sul, segundo o Centro de Previsão do Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC). O dia deve permanecer nublado e com pancadas de chuva no Rio Grande do Sul, em Santa Catarina e no centro-sul do Paraná. Em algumas localidades poderá chover forte, com presença de raios. A ocorrência de queda de granizo em algumas áreas não está descartada.

No norte da Bahia, no interior do Piauí, em Alagoas, Sergipe, Pernambuco, Paraíba e no sul do Ceará também poderá chover forte. O dia terá sol e poucas nuvens no norte do Rio de Janeiro, no Espírito Santo, no leste e no nordeste de Minas Gerais, no sul da Bahia, no centro-norte de Roraima, no centro do Maranhão, no norte do Piauí, do Ceará e do Rio Grande do Norte, no noroeste do Pará e no oeste do Amapá.

No litoral norte de São Paulo, no noroeste de Mato Grosso do Sul e no sul de Mato Grosso haverá sol e possibilidade de pancadas de chuva, de acordo com o CPTEC. Nas demais áreas do País o dia deve ser de sol, com variação de nebulosidade e pancadas de chuva. As temperaturas não terão mudanças significativas.

Na capital paulista, a previsão aponta dia abafado com pancadas de chuva no final da tarde, segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE). Ao longo do dia, o sol retorna entre nuvens, elevando as temperaturas com máximas que devem superar os 30ºC. Com o calor, as áreas de instabilidade ganham força, provocando chuvas no final da tarde. Podem ocorrer pontos de maior intensidade com potencial para alagamentos. Nos próximos dias o tempo segue abafado com sol e variação de nuvens na cidade. As temperaturas variam entre mínimas de 20ºC e máximas de 28ºC.

Índices

Na tarde de ontem, as estações meteorológicas do CGE registraram vários pontos da capital paulista com altos índices pluviométricos em apenas uma hora de chuva. A média em toda a cidade chegou a 20,7 milímetros de chuvas, o que equivale a 8,66% da média prevista para o mês, que é de 239 mm, de acordo com dados do órgão. Com apenas quatro dias passados do início de janeiro, já choveu 67,7 mm, que equivale a 28,32% do esperado para janeiro.

A região que recebeu o maior volume de chuva no período, até as 19 horas de ontem, segundo o CGE, foi próximo à Praça da Sé, onde foram computados 87,5 mm de chuvas. O centro de São Paulo foi o local mais atingido, com um índice de 80,8 mm, seguido pelas zonas sul e oeste, com 18,8 mm de chuvas cada.

Ventos

Por volta das 15h05, o Aeroporto Internacional de Congonhas, na zona sul, registrou ventos de rajada que atingiram 86 quilômetros por hora. No mesmo horário, foi registrada chuva forte acompanhada de granizo no Jabaquara, próximo ao terminal de metrô. Também foi registrada a incidência de granizo na região central. Às 16h, a estação meteorológica do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), localizada no Mirante de Santana (zona norte) registrou ventos de rajada de até 66,5 km/h.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    1,02
    3,178
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,90
    67.976,80
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host