UOL Notícias Notícias
 

07/01/2010 - 19h29

Encontrada terceira vítima de queda de ponte no RS

Porto Alegre - Foram localizados e identificados hoje os corpos de três das cinco pessoas desaparecidas na terça-feira, após a queda da ponte sobre o rio Jacuí entre Agudo e Restinga Seca, região central do Rio Grande do Sul.

Foram encontrados os corpos de Lori Ella Dumke, de 56 anos, Renato Camargo, de 42 anos - pela manhã, as autoridades divulgaram que ele teria 32 anos, mas à tarde corrigiram a informação - e do vice-prefeito de Agudo, Hilberto Boecke, de 55 anos. Ele estava sobre a ponte no momento do acidente para analisar os estragos da enchente.

O prefeito decretou luto oficial de três dias na cidade, que tem aproximadamente 18 mil habitantes. O corpo do vice-prefeito será velado na Câmara de Vereadores até a manhã de amanhã.

Permanecem desaparecidos Denizi Dumke, filha de Lori, e o namorado dela, Nelo dos Santos. O marido de Lori, Ildo Dumke, conseguiu se salvar. No momento do acidente, várias pessoas estavam sobre a ponte, a maior parte para observar a cheia do rio.

Perdas

Até a tarde de hoje, a Defesa Civil registrava oficialmente nove mortes nos últimos dias no Estado, dos quais sete foram diretamente provocados pelas chuvas - incluindo as três vítimas identificadas após o acidente na ponte - e outras duas relacionadas ao mau tempo (uma vítima de choque elétrico e outra de um raio).

Aumentou o número de municípios atingidos pelas chuvas, que era de 57 pela manhã e passou a 62 à tarde. Destes, 18 decretaram situação de emergência. O Estado tinha 132 desabrigados e 1.222 desalojados até esta tarde.

O Departamento Autônomo de Estradas e Rodagem (Daer) decidiu construir uma ponte nova no lugar da que desabou sobre o rio Jacuí, na RSC-287. O custo está estimado entre R$ 9 milhões e R$ 10 milhões. O órgão informou que estuda alternativas de tráfego pela rodovia, que por enquanto será desviado pela BR-153 (Cachoeira do Sul), BR-290 e BR-392 (São Sepé), entre Santa Maria e Santa Cruz do Sul.

Em Porto Alegre, o asfalto lateral cedeu em um buraco na ponte sobre o Arroio do Salso, com sete metros de extensão, na zona sul da cidade, que foi interditada pela prefeitura. Na praia do Lami, no extremo sul da capital, dezenas de suínos apareceram mortos hoje. Há suspeita de que tenham sido arrastados até o local pela cheia de rios que deságuam no lago Guaíba, que banha a cidade.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host