UOL Notícias Notícias
 

08/01/2010 - 08h25

Bolsas asiáticas fecham em alta; HK avança 0,1%

Tóquio - A maior parte das bolsas asiáticas fechou em alta, impulsionadas por fatores locais, com destaque para o setor financeiro.

Na Bolsa de Hong Kong, o índice Hang Seng adicionou 0,1% e fechou aos 22.296,75 pontos. As ações da Hutchison Telecommunications dispararam 28,5% depois que sua matriz Hutchison Whampoa se ofereceu para fechar o capital da empresa com um prêmio de 33,3% sobre o preço da ação antes de os papeis serem suspensos. Com isso, a operação totalizaria US$ 545 milhões.

Na China, o índice Xangai Composto da Bolsa de Xangai avançou 0,1% e fechou aos 3.196,0 pontos. O Shenzhen Composto ganhou 0,7% e encerrou aos 1.187,86 pontos. Ações de incorporadoras imobiliárias e de bancos se recuperaram de parte das perdas sofridas no decorrer da semana. Uma fonte do governo disse ao jornal estatal China Securities Journal que o regulador de ativos estatais da China alertou as empresas estatais sobre os riscos de se investir em ações, imóveis e mercados futuros. "Os investidores estão confusos porque não sabem qual pode ser a próxima medida do governo", disse um analista.

A cotação do yuan se alterou pouco em relação ao dólar depois de a paridade central ter se mantido praticamente estável. No mercado de balcão, o dólar fechou cotado em 6,8275 yuans, ante 6.8277 do fechamento de ontem. A paridade central foi fixada em 6.8279 yuans, contra 6,8276 na quinta-feira. No mercado futuro de dólar, porém, os contratos de um ano caíram por causa da preocupação com a possibilidade de que Pequim venha a apertar a política monetária para se proteger da inflação.

Em Taiwan, a Bolsa de Taipei fechou com o índice Taiwan Weighted marcando alta de 0,5%, fechando aos 8.280,90 pontos. Dados econômicos locais, como a expansão de 46,9% nas exportações de dezembro sobre as do mesmo mês do ano anterior, contribuíram para o desempenho da Bolsa.

A Bolsa de Seul, na Coreia do Sul, encerrou em alta, conduzida pelos papéis do setor financeiro e dos estaleiros, que ampliaram os ganhos em meio às expectativas sobre a recuperação econômica global. O índice Kospi subiu 0,7% e encerrou aos 1.695,26 pontos.

A Bolsa de Sydney, na Austrália, fechou em terreno positivo, mas os ganhos alcançados no início da sessão foram ajustados com os investidores se retirando dos negócios na espera pela divulgação dos dados sobre o emprego nos Estados Unidos. O índice S&P/ASX 200 avançou 0,3% e fechou aos 4.912,1 pontos.

O índice PSE da Bolsa de Manila, nas Filipinas, fechou com queda de 0,02%, e terminou aos 3.077,18 pontos.

A Bolsa de Cingapura teve alta, com o sentimento sustentado pelas altas nos demais mercados regionais e com as bolsas dos EUA provendo sinais positivos. O índice Strait Times subiu 0,3% e fechou aos 2.922,76 pontos.

O índice composto da Bolsa de Jacarta, na Indonésia, subiu 1,1% e fechou aos 2.614,37 pontos, lideradas por compras de ações relacionadas ao carvão, devido à alta de preços da commodity, papéis de telecomunicações por conta de compras por preços em oferta, segundo disseram traders, que ainda acrescentaram que os bons resultados nos demais mercados asiáticos ajudaram a melhorar o sentimento depois da sessão fraca de ontem.

O índice SET da Bolsa de Bangcoc, na Tailândia, subiu 0,6% e fechou aos 738,96 pontos, mas ainda abaixo do nível de resistência de 740 pontos.

O índice composto de cem blue chips da Bolsa de Kuala Lumpur, na Malásia, ficou quase estável, com alta de 0,1% e fechou aos 1.292,98 pontos, com realizações de lucros por conta da proximidade do fim de semana tendo erodido ganhos da parte da manhã. As informações são da Dow Jones

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    12h19

    -0,77
    3,258
    Outras moedas
  • Bovespa

    12h30

    1,01
    63.862,23
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host