UOL Notícias Notícias
 

01/02/2010 - 09h30

Kassab estuda decretar calamidade no Jardim Romano

Em São Paulo

 Há 55 dias os moradores do Jardim Romano e outros quatro bairros do extremo leste da capital paulista não sabem o que é viver em ruas sem alagamento. Agora, no que depender do prefeito Gilberto Kassab (DEM), serão 7,5 mil pessoas oficialmente em estado de calamidade pública. A mais recente tentativa de solução para os bairros cobertos pela água desde 8 de dezembro foi anunciada ontem pelo prefeito.

 

A Secretaria Municipal de Negócios Jurídicos elaborou um estudo técnico que recomenda declarar a região afetada como área de calamidade pública. Esse relatório chega hoje à tarde à mesa de Kassab, segundo informaram ontem o próprio prefeito e o secretário da pasta, Cláudio Lembo. "Não posso declarar toda a cidade como estado de calamidade pública, apenas aquela área afetada", disse Kassab.

 

Além do Jardim Romano, o estudo inclui Vila Itaim, Vila das Flores, Jardim São Martinho e Jardim Novo Horizonte, onde vivem 7,5 mil pessoas, segundo a Subprefeitura de São Miguel Paulista. Na prática, a declaração de calamidade pública beneficia os moradores dos primeiros andares dos conjuntos habitacionais atingidos pelas enchentes: eles ficarão isentos de pagar mensalidade e tributos pendentes com a Caixa Econômica Federal, responsável pelos empreendimentos. Segundo Kassab, o banco informou ser "possível" isentar esses moradores.

 

Ontem voltou a chover na capital e, com isso, o mês de janeiro deve entrar para a história como o mais chuvoso da série iniciada pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) em 1943. O recorde foi registrado em 1947, 481,4 mm. Até anteontem, faltavam 0,9 mm para janeiro de 2010 superar a marca. O Inmet deve divulgar o dado oficial hoje. No último dia de janeiro, a chuva não foi tão prejudicial aos paulistanos: o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) registrou um único ponto de alagamento no Tatuapé, zona leste. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    14h29

    0,12
    3,269
    Outras moedas
  • Bovespa

    14h35

    -0,49
    63.769,79
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host