UOL Notícias Notícias
 

09/02/2010 - 08h21

Maioria das Bolsas asiáticas apresenta recuperação

Tóquio - Após três sessões de declínios, as principais bolsas da Ásia fecharam no campo positivo nesta terça-feira, refletindo a recuperação nos mercados europeus.

Em Hong Kong, o índice Hang Seng ganhou 1,2% e fechou aos 19.790,28 pontas. Os bancos da China continental foram alguns dos maiores ganhadores do dia.

A presença de investidores em busca de ofertas de ocasião no setor bancário e a forte demanda por papéis de operadores de rodovias, em antecipação ao aumento do tráfego previsto para o feriado de ano novo, fizeram as Bolsas da China fechar em alta. O índice Xangai Composto subiu 0,5% e encerrou aos 2.948,84 pontos. Já o Shenzhen Composto ganhou 0,1% e terminou aos 1.110,41 pontos.

O yuan ficou estável ante o dólar na tarde desta terça-feira uma vez que a quase imutável taxa de paridade central dólar-yuan continuou a desencorajar a tomada de posições entre os operadores. Eles esperam que Pequim mantenha a divisa chinesa estável no futuro próximo e disseram que o dólar provavelmente continuará a circular na estreita trilha de 6,8260-6,8280 yuans para o resto da semana. No mercado de balcão, o dólar fechou cotado em 6,8267 yuans, mesma cotação de ontem. A taxa de paridade central ficou em 6,8271, de 6,8273 ontem.

Em recuperação técnica após deslizar 13,7% desde 15 de janeiro, a Bolsa de Taipé, em Taiwan, apresentou boa elevação. O índice Taiwan Weighted subiu 2% e encerrou aos 7.361,04 pontos, às vésperas do feriado de ano novo.

Na Coreia do Sul, o índice Kospi da Bolsa de Seul fechou em alta após dois dias de perdas. O índice avançou 1,1% e fechou aos 1.570,49 pontos.

Na Bolsa de Sydney, na Austrália, os bancos lideraram uma queda em ações cíclicas, embora a peso-pesado BHP Billiton tenha se recuperado para fechar no território positivo antes da divulgação dos seus resultados do primeiro semestre, que saem nesta quarta-feira. O índice S&P/ASX 200 se retraiu 0,4% e encerrou aos 4.505,1 pontos.

O índice PSE da Bolsa de Manila, nas Filipinas, caiu 1.7% e terminou aos 2.797,61 pontos, o menor nível de fechamento desde 28 de setembro.

A Bolsa de Cingapura fechou em alta com compras de ofertas na expectativa de fortes ganhos. O índice Straits Times subiu 1,9% e encerrou aos 2.745,02 pontos.

O índice composto da Bolsa de Jacarta, na Indonésia, ganhou o,6% e fechou aos 2.489,48 pontos, com procura por pechinchas por fundos institucionais locais após recentes quedas.

O índice SET da Bolsa de Bangcoc, na Tailândia, cedeu 0,3% e fechou aos 685,89 pontos com as peso-pesados de energia jogando o índice para baixo. O índice Dow Jones Industrial Averages abaixo de 10.000 pontos, preocupações com as dívidas da Europa, incertezas políticas locais e os investidores estrangeiros como vendedores líquidos concorreram para a piora do sentimento.

O índice composto de cem blue chips da Bolsa de Kuala Lumpur, na Malásia, caiu 0,1% e fechou aos 1.233,86 pontos devido a preocupações sobre a recuperação econômica. As informações são da Dow Jones

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host