UOL Notícias Notícias
 

24/02/2010 - 15h18

Apreensões de cocaína crescem no País, diz ONU

São Paulo - A Junta Internacional de Fiscalização de Entorpecentes (JIFE), órgão ligado às Nações Unidas, divulgou hoje seu relatório anual com uma radiografia sobre as drogas pelo mundo. No Brasil, a entidade registrou um aumento nas apreensões de cocaína e redução nas de maconha.

Segundo a JIFE, a área cultivada de coca na América Latina caiu em 2009, em comparação com o ano anterior. O órgão contabiliza que essa queda foi de 8%, para 167 mil hectares. A entidade nota, apesar disso, que houve aumento das plantações no Peru e Bolívia. A maior queda, de 28%, ocorreu na Colômbia.

A JIFE afirma que aumentaram as apreensões de cocaína em vários países, entre eles Bolívia, Peru, Colômbia, Brasil e Equador. Já no caso das apreensões de maconha, houve queda nas apreensões no Brasil e também na Venezuela.

O Escritório sobre Drogas e Crime da ONU (UNODC, na sigla em inglês) registra que quase 1 milhão de dependentes são tratados anualmente em todo o mundo. Na América Latina, a JIFE aponta que há ainda ausência em alguns países de iniciativas como prevenção, educação e reabilitação para usuários.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host