UOL Notícias Notícias
 

21/03/2010 - 20h00

Grupo assalta 7 apartamentos em prédio do Brooklin

São Paulo - Os cerca de 15 homens que invadiram um condomínio na região do Brooklin, na zona sul de São Paulo, na manhã deste domingo, ficaram no prédio por cerca de uma hora e meia, segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP). A quadrilha roubou sete apartamentos do condomínio localizado na Avenida Padre Antônio José dos Santos, onde chegou por volta das 7h15. O grupo fugiu em cinco veículos, dois deles roubados de moradores.

Durante o arrastão, 13 pessoas foram mantidas reféns em um apartamento vazio, amarradas com fitas adesivas. Todos disseram aos policiais que os homens estavam fortemente armados e muito bem vestidos, se comunicando o tempo todo através dos radiocomunicadores.

Segundo a SSP, os suspeitos usaram um controle remoto para entrar na garagem do edifício em uma Parati e um Corsa vermelhos. Em cinco minutos, dois homens vestidos com roupas sociais entraram na portaria e, armados com uma metralhadora e uma pistola, renderam o porteiro. A dupla exigiu as chaves de um apartamento vazio, onde manteriam os reféns, e o número do apartamento do síndico do condomínio.

No apartamento da vítima, os homens alertaram que sabiam que o síndico iria viajar para o exterior e exigiram o dinheiro. Foram roubados dois mil euros - sendo 400 euros em travellers checks -, seu passaporte, correntes de ouro, alianças, relógios, um laptop, as chaves de dois veículos e um aparelho celular. Depois disso, o síndico foi levado ao apartamento vazio, onde foi mantido refém.

De outra vítima, que foi rendida no momento em que entrava no condomínio, foram roubados R$ 2 mil, uma corrente de ouro, um relógio, dois celulares e boletos de pagamentos. Poucos minutos depois, outro morador foi rendido ao passar pela portaria. Os homens subiram com ele até o apartamento, onde foram roubados R$ 10 mil, relógios, uma laptop, joias, óculos, celulares e um iPhone.

Um casal se preparava para deixar a garagem do condomínio quando foi rendido. Levados até o apartamento, o bando roubou R$ 400, dois radiocomunicadores, dois celulares, um laptop, uma máquina digital, três relógios e bijuterias.

Ao chegar à garagem, um morador não conseguiu estacionar seu carro por causa da Parati utilizada pelos homens, que ao perceberem a aproximação renderam a vítima, roubando seu veículo, três cartões, um celular, DVDs e um aparelho de GPS. No apartamento da vítima, que estava ocupado por mais duas pessoas, foram levados mais dois celulares e uma câmera digital. O segundo veículo roubado pela quadrilha estava estacionado em frente ao condomínio, e foi levado de um casal rendido ao sair do elevador.

Segundo as vítimas, um homem que era chamado de "Jão" era o líder do bando. Ele tem a pele branca, trajava calça e camisa brancas e aparentava ter 35 anos. A polícia já solicitou a um condomínio localizado em frente ao assaltado as imagens do seu sistema de vigilância.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host