UOL Notícias Notícias
 

22/03/2010 - 10h09

Bope ocupa Morro da Providência para implantar UPP

São Paulo - Policiais do Batalhão de Operações Especiais (Bope) realizam na manhã de hoje uma incursão no Complexo da Providência, no centro do Rio de Janeiro, como parte da implantação de mais uma Unidade de Polícia Pacificadora (UPP). De acordo a Polícia Militar (PM), agentes do Bope e da Tropa de Choque estão cumprindo mandados de prisão, além de apreender armas e combater o tráfico de drogas no local.

A operação faz parte da primeira das três fases de implantação de uma UPP na favela mais antiga da capital fluminense. Ao todo, três comunidades serão beneficiadas diretamente pela ocupação: Favela do Morro da Providência, Favela Pedra Lisa e Favela Moreira Pinto. Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), de 2000, 10 mil pessoas moram no núcleo e no entorno destas comunidades.

Segundo a PM, a ocupação que se inicia hoje é a primeira de nove UPPs que deverão ser inauguradas este ano, todas elas localizadas no centro e na zona norte da cidade, o que vai totalizar nesta etapa 120 mil pessoas afetadas diretamente. De acordo com o governo do Estado, o Complexo da Providência, devido à localização estratégica, foi uma das primeiras áreas estudadas para receber uma UPP.

A ocupação aguardava apenas a formação de nova turma de 1.300 policiais, programada para o início de abril. Além dos moradores, a unidade da Providência vai beneficiar de forma indireta 600 mil pessoas que circulam diariamente pela região da Central do Brasil. E, de acordo com o governo do Rio, ainda vai ser peça-chave no projeto de recuperação e revitalização da Zona Portuária, que está sob responsabilidade da prefeitura do município.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,21
    3,129
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h35

    0,04
    76.004,15
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host