UOL Notícias Notícias
 

24/03/2010 - 20h29

Quadrilha é presa por desvio de recursos do Pronaf

Cuiabá - Enquanto centenas de trabalhadores rurais assentados em Mato Grosso não conseguem ter acesso aos recursos do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), por falta de licenciamento ambiental das propriedades, uma quadrilha foi presa em Cárceres (225 km a oeste de Cuiabá) por fraudar documentos para ter acesso aos recursos do programa.

A Polícia Civil de Mato Grosso prendeu hoje quatro pessoas em flagrante, quando tentavam sacar dinheiro numa agência bancária em Cárceres. Foram presos Edmogenes Souza de Bergamini e a esposa dele, Alessandra Luiz Bergamini, além dos aposentados Henriqueta Pedrosa Silva e Jair Pereira.

Segundo a polícia, os aposentados são considerados "laranjas" do grupo. Eles foram presos após o saque de R$ 35 mil, cada um deles. Os dois confessaram que iriam ficar com R$ 10 mil e o restante seria repassado à quadrilha. "Na carteira de Edmogenes encontramos vários extratos bancários que indicam que os desfalques podem ser maiores", disse o delegado regional de Cárceres, Percival Eleutério de Paula.

O golpe consistia na falsificação de documentos de terras para solicitação de recursos do Pronaf em nome de "laranjas". Segundo as investigações, Edmogenes Souza de Bergamini, morador de Pontes e Lacerda, recrutava pessoas em Cáceres, geralmente analfabetas e idosos. De posse dos documentos, pleiteava financiamentos do Pronaf junto ao banco.

Outras pessoas são investigadas nos crimes, entre as quais uma bancária e o marido dela, dono de um escritório de contabilidade, que cuidava da falsificação dos papéis. O flagrante foi encaminhado à Polícia Federal de Cáceres por se tratar de recurso do governo federal. Os presos vão responder por crime de estelionato e contra a ordem financeira.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -1,03
    3,146
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,09
    68.714,66
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host