UOL Notícias Notícias
 

20/04/2010 - 17h42

Petróleo fecha em alta a US$ 83,45 após 3 dias de baixa

Nova York - Os contratos futuros de petróleo voltaram a fechar em alta na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex), depois de três sessões consecutivas de declínio acentuado nos preços. A virada foi liderada pelo vencimento dos contratos de maio.

Os contratos de petróleo para maio expiraram em US$ 83,45 por barril, em alta de US$ 2,00, ou 2,5%. Os contratos para junho, que amanhã passam a representar o primeiro vencimento futuro, subiram US$ 0,72, ou 0,9%, fechando em US$ 83,85 por barril. Os ganhos de hoje interromperam uma série de três sessões consecutivas de queda nas quais o preço por barril chegou a atingir US$ 80,52 antes de fechar ontem em US$ 81,45. No mercado eletrônico ICE, o petróleo Brent subiu US$ 0,57, ou 0,7%, fechando em US$ 84,80 por barril.

Diante de um cenário de estoques elevados e demanda precária, os contratos futuros de petróleo foram prejudicados nos últimos dias pela queda de aproximadamente 1 milhão de barris por dia na demanda por querosene de aviação por causa da nuvem de cinzas de uma erupção vulcânica na Islândia que fechou o espaço aéreo da Europa. O preço do petróleo também foi negativamente afetado pela notícia de que a Securities and Exchange Commission (SEC), a comissão de valores mobiliários dos EUA, apresentou, na sexta-feira, denúncia de fraude contra o Goldman Sachs, um importante player no mercado da commodity.

O mercado estava sobrecomprado antes e a caminho de uma correção, "e o negócio do Goldman nos empurrou ladeira abaixo", comentou Tom Bentz, broker e analistas do BNP Paribas. Isso levou a uma situação de compra de pechinchas, prosseguiu ele. "Os negócios seguem na direção de voltar à faixa entre US$ 85 e US$ 87 por barril", avaliou, citando o pico de duas semanas atrás, que foi o maior nível desde outubro de 2008. Ele apontou para o fato de as máximas e mínimas de hoje terem sido mais acentuadas que as de ontem como sinal de recuperação de força do petróleo. As informações são da Dow Jones.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host