UOL Notícias Notícias
 

10/05/2010 - 17h32

Bolsa sobe 4,50%, na maior alta desde outubro de 2009

São Paulo - A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) não teve uma reação diferente dos outros mercados acionários ao pacote bilionário de ajuda aos países problemáticos da zona do euro (grupo dos 16 países que adotam o euro como moeda): exibiu forte alta e conseguiu retomar alguns dos patamares perdidos na última semana. A euforia, no entanto, ficou para a abertura, já que no período da tarde o índice Bovespa (Ibovespa) oscilou pouco - mas continuou trabalhando em patamares de 3% e 4% de ganho. As blue chips tiveram ritmo de ganhos diferentes: enquanto as ações da Vale avançaram mais de 4%, Petrobras não chegou a 2% de alta. A Bolsa doméstica terminou a segunda-feira em alta de 4,50%, a maior desde os 5,91% de 29 de outubro do ano passado. Fechou aos 65.698,37 pontos.

Na mínima do dia, a Bovespa registrou 62.872 pontos (estabilidade) e, na máxima, os 66.083 pontos (+5,11%). O desempenho de hoje reduziu as perdas acumuladas no mês a 2,71% e, no ano, a 4,21%. O giro financeiro somou R$ 6,569 bilhões. Os dados são preliminares.

O fundo aprovado esta madrugada na Europa terá 750 bilhões de euros para combater crises sistêmicas na zona do euro e no bloco amplo da União Europeia. Serão 60 bilhões de euros em empréstimos emergenciais que estarão disponíveis rapidamente e uma linha equivalente a 440 bilhões de euros para dar garantias a empréstimos da UE. Os outros 250 bilhões de euros virão do Fundo Monetário Internacional (FMI).

As bolsas tiveram alta generalizada, a partir da Ásia. Mas foi na Europa que os ganhos ficaram maiores. Em Londres, o índice FTSE-100 subiu 5,16%; em Paris, o CAC-40 avançou 9,66%; o Dax, da bolsa de Frankfurt, teve alta de 5,30%; na bolsa de Madri, o índice Ibex-35 subiu 14,43%; a alta do PSI-20, em Lisboa, foi de 10,73%; e, em Atenas, o índice composto ASE ganhou 9,13%. Nos EUA, as Bolsas subiram com vigor, mas mais contidas do que na Europa. O Dow Jones fechou com avanço de 3,90%, aos 10.785,14 pontos, o S&P avançou 4,40%, aos 1.159,73 pontos, e o Nasdaq ganhou 4,81%, aos 2.374,67 pontos.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host