UOL Notícias Notícias
 
10/06/2010 - 12h30 / Atualizada 10/06/2010 - 12h44

Defesa Civil: em 8 meses, chuva faz 488 vítimas no País

São Paulo - O número de mortos pelas chuvas que atingiram dez Estados das Regiões Sul, Sudeste, Norte e Nordeste do País entre novembro de 2009 e junho deste ano chegou a 488. De acordo com a Secretaria Nacional de Defesa Civil, o número abrange as mortes ocorridas em Minas Gerais, Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Acre, Alagoas e Bahia.

O Rio de Janeiro continua sendo o Estado que registrou mais mortes decorrentes dos temporais: foram 347. Somente em Niterói, o município mais atingido, foram registradas 168 vítimas, grande parte em consequência dos desabamentos e deslizamentos de terra no Morro do Bumba, no início de abril.

Em seguida, vêm os Estados de São Paulo, com 78 óbitos, e do Rio Grande do Sul, que registrou 18 mortes. Ainda segundo o órgão, apesar de não confirmarem nenhuma morte, outros nove Estados do Centro-Oeste, Norte e Nordeste registraram prejuízos causados pela chuvas: Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás, Roraima, Amazonas, Rondônia, Sergipe, Maranhão e Pernambuco.

Ao todo, desde o início do período chuvoso, mais de 7,5 milhões de moradores de 1.221 municípios foram afetados de alguma forma pelas chuvas. Desses, 56.461 ficaram desabrigados - pessoas que perderam tudo e precisam dos abrigos públicos - e outros 211.357 ficaram desalojados - as que podem contar com ajuda de vizinhos e familiares. Ao menos 498 cidades brasileiras decretaram situação de emergência e cinco entraram em estado de calamidade pública.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,71
    3,168
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,12
    68.634,65
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host